Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Visa salienta importância dos aspectos sanitários na alimentação escolar

Visa salienta importância dos aspectos sanitários na alimentação escolar

São são observados as condições de higiene sanitária e de manipulação dos alimentos - Foto: Ascom/SEEDSeja em casa, restaurantes ou quaisquer estabelecimentos que manipulem alimentos, observar os aspectos sanitários na preparação dos alimentos é de suma importância para a manutenção da saúde. Com a merenda escolar não é diferente, uma série de aspectos têm que ser observados na manipulação do que vai ser servido nas escolas. O Departamento Estadual de Vigilância Sanitária (DVS) está atento a esta questão e levanta a importância de se observar os aspectos sanitários no momento da preparação desses alimentos.

A vigilância sanitária estadual inspeciona as escolas estaduais da capital e do interior. Nos locais são observados as condições de higiene sanitária e de manipulação dos alimentos, que serão ofertados aos alunos e vestuários.

A técnica do DVS, Conceição Sales, explicou que, caso sejam encontradas irregularidades, o departamento adotada medidas cabíveis como: auto de infração, termos de recomendações , relatórios de inspeção para adequação, interdições , notificações entre outras medidas. Quando é encontrado algum produto fora das normas sanitárias, seja ele vencido, sem rotulagem, embalagem rompida, ou violada, o produto é apreendido, com emissão de termo de apreensão e inutilização de produtos. Segundo ela, neste ano não foram encontradas irregularidades nas escolas estaduais.

Conforme o Diretor do Departamento André Castro ocorre também o desenvolvimento de ações educativas , no sentido de oferecer capacitação. Nessa semana, o DVS proferiu uma palestra sobre Aspectos Higiênicos Sanitários na Alimentação Escolar, durante o IV Encontro para Conselheiros de Alimentação Escolar, realizado no início do mês. Foram abordados tópicos, como a aquisição dos produtos para a merenda escolar, sempre realizada mediante licitação; inspeção no local onde são armazenados os produtos que serão distribuídos para a merenda escolar da rede estadual de ensino; higiene do manipulador e do ambiente de manipulação. “O evento contou com a participação de conselheiros, pais de alunos e nutricionistas”, pontuou Conceição, que é especialista em Direito Sanitário.

Cuidados

O manuseio da merenda escolar obedece ao preconizado pela RDC 216, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que dispõe sobre o Regulamento Técnico de Boas Práticas para Serviços de Alimentação. O ambiente de manipulação e preparação de alimentos, requer cuidados que vão desde a higiene do local, limpeza dos utensílios antes de usar, lavar as mãos sempre, utilizar os equipamentos de proteção individual não deve haver a presença de animais domésticos nas imediações, lavar sempre as verduras, legumes, frutas, usar água tratada.

A principal preocupação é evitar contaminação dos alimentos que serão servidos na merenda escolar, e consequentemente, evitar o adoecimento dos alunos, professores, e funcionários da escola, que eventualmente consumam a merenda. “O principal cuidado é sempre lavar as mãos antes de tudo, não usar a mesma roupa que veio da rua, observar os produtos perecíveis se estão em bom estado para ser manipulado e preparado”, exemplificou.

 

 

 

 

Deixe uma resposta