Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Teste do Pezinho: Sesau promoverá ação na maternidade em alusão ao Dia Nacional

Teste do Pezinho: Sesau promoverá ação na maternidade em alusão ao Dia Nacional

Serão distribuídos folders informativos indicando os pontos de coleta e a importância da realização do teste - Foto: Ascom/SesauO dia 6 de junho foi instituído pelo Governo Federal como o Dia Nacional do Teste do Pezinho. Para comemorar a data, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) promoverá amanhã, no Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth (HMI), uma ação educativa que frisará a importância da realização do exame. As atividades terão início às 10h.

Dentro da programação preparada terão palestras educativas e entrega de folders contendo informações como: por que, quando e onde realizar a coleta para o teste. Para a gerente do Núcleo de Ações Programáticas de Saúde da Criança, Valentina Vieira, a data é uma importante oportunidade para alertar às mães sobre a necessidade da realização do teste do pezinho.

Segundo ela, um dos motivos da sensibilização às mães é que as doenças detectadas através deste exame não apresentam sintomas no nascimento e, se não forem tratadas cedo, podem causar sérios danos à saúde, inclusive retardo mental grave e irreversível. As palestras sobre a importância da realização do teste acontecerão no Banco de Leite, onde já ocorrem diariamente palestras voltadas para a importância da amamentação.

A coordenadora do Teste do Pezinho da unidade, Karinna Cruz, informa que de segunda à sexta, duas vezes ao dia, pela manhã às 10 horas e na parte da tarde, às 15 horas, as mães que estão internadas na unidade recebem estas orientações sobre a amamentação. No final de semana, a palestra acontece às 10 da manhã. “Agora elas também serão esclarecidas sobre o Teste do Pezinho”, falou a coordenadora, explicando que as mães só recebem alta após apresentarem o carimbo de comparecimento nas palestras.

Neste dia será reforçado também sobre as muitas opções de postos de coleta, que fazem a retirada das amostras para a realização do teste do pezinho. “Talvez, algumas mães deixem de levar seus bebês, por causa da distância de suas casas até o HMI, desconhecendo que existem outros 39 postos de coleta espalhados pelo estado”, lembrou Valentina.

Ainda de acordo Valentina, como a maioria dos bebês nascidos em Roraima nasce na única maternidade pública do estado, a expectativa é que grande parte das mães já saia da unidade esclarecida sobre o teste do pezinho.

Teste do Pezinho

O teste possibilita identificar doenças graves, como o hipotireoidismo congênito (glândula tireoide do recém-nascido não é capaz de produzir quantidades adequadas de hormônios), a fenilcetonúria (doença do metabolismo) e as hemoglobinopatias (doenças que afetam o sangue – traço falcêmico e doença falciforme). É importante que todos os bebês passem pelo exame, pois qualquer pessoa pode ter um filho portador destas doenças, mesmo que nunca tenha aparecido um caso na família.

 

 

 

Deixe uma resposta