Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Política | Teste do coração: Soldado Sampaio solicita desarquivamento de projeto

Teste do coração: Soldado Sampaio solicita desarquivamento de projeto

Deputado Soldado Sampaio - Foto: Charles Wellington

Deputado Soldado Sampaio – Foto: Charles Wellington

Ao fazer uso do plenário em sessão ordinária na manhã desta quarta-feira, 25, o deputado Soldado Sampaio (PC do B), solicitou a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), o desarquivamento do Projeto de Lei de sua autoria que pede ao Executivo a compra do aparelho para o teste do coração (exame de oximetria), para ser utilizado no Hospital Materno-Infantil Nossa Senhora de Nazaré.

O oxímetro é um aparelho que realiza um exame não invasivo que serve para medir a quantidade de oxigênio no sangue e os batimentos cardíacos. Esse exame é usado com frequência nos hospitais para monitorar os sinais vitais do paciente internado.

Segundo o parlamentar, a maternidade do Estado não possui o aparelho, o que dificulta os serviços de saúde daquela unidade. “A proposição foi encaminhada ao então governador José de Anchieta (PSDB), que na época alegou que não havia condições financeiras para a compra. Por conta disso o Projeto de Lei acabou sendo arquivado”, lamentou Sampaio.

O deputado reforçou o posicionamento, afirmando a necessidade de a maternidade realizar a oximetria. “É um aparelho importante que pode salvar muitas vidas, com o diagnóstico prévio de doenças. Acredito que o custo para a compra desse aparelho é menor do que enviar as crianças para outros estados, onde são realizados esse tipo de procedimento”, disse.

Itinerantes

O deputado falou da proposta da presidência da Assembleia Legislativa realizar em 2016 as sessões itinerantes nos municípios do Estado. Segundo ele, a ação levará à população que reside em lugares mais longínquos os trabalhos que são executados pela Casa.

“Minha intenção é formalizar um encaminhamento ao presidente do Legislativo, deputado Jalser Renier (PSDC), para que realizemos essa modalidade de sessão, pelo menos três vezes ao ano, pois entendemos que toda a população roraimense deve ter um maior conhecimento da importância da Assembleia Legislativa de Roraima. Existem muitas pessoas que não tem condições de se deslocar para a Capital, para acompanhar de perto nossas atividades. Será uma forma de levarmos cidadania para todos”, enfatizou.

Ao apartear, a deputada Angela Águida Portella (PSC), informou a Sampaio que na semana passada houve reunião com o deputado Jalser, representantes do Procon Assembleia, Centro de Apoio as Câmaras (CAC), Centro Humanizado de Apoio a Mulher (Chame), equipe técnica do Legislativo e outros profissionais, para tratar sobre a realização das sessões itinerantes ainda este ano.
“Será elaborado um cronograma para a realização das sessões itinerantes em todos os municípios do Estado. Nossa intenção é prestar atendimento, apresentar os nossos trabalhos, principalmente no tocante as leis aprovadas, esclarecendo dúvidas, bem como apresentando aos servidores públicos das prefeituras, prefeitos, vereadores e a população em geral”, ressaltou Angela.

Jânio Tavares

 

Deixe uma resposta