Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Sesc participa do XXVII Festival de Bandas Marciais e Fanfarras do Estado de Roraima

Sesc participa do XXVII Festival de Bandas Marciais e Fanfarras do Estado de Roraima

Fanfarra do Sesc se apresenta nesta segunda-feira - Foto: Alex PaivaA Fanfarra do Centro de Educação Sesc participará do XXVII Festival de Bandas Marciais e Fanfarras do Estado de Roraima, que será realizado nos dia 1° e 2 de dezembro, no Ginásio do Sesc, no Mecejana, das 17h às 21h.

No total são 60 alunos, entre comissão de frente e componentes da fanfarra. São alunos do 5° Ano do Ensino Fundamental ao 3º Ano do Ensino Médio. A apresentação será no dia 1° de dezembro e, conforme a programação, a Fanfarra Sesc será a segunda a fazer sua performance.

Na preparação para o Festival, a fanfarra recebeu novos uniformes, além de instrumentos. A Fanfarra Sesc foi criada há cinco anos, mas apenas nos dois últimos têm participado de festivais e eventos cívicos, como o desfile 7 de Setembro. 

Segundo Magdiel de Araújo, regente da Fanfarra Sesc, a competição será na categoria percussão, categoria que recentemente no 2° ARRFABAN (Associação de Fanfarras e Bandas) lhes concedeu o título de 3° lugar. “Para o festival foram quatro meses de ensaio, estamos confiante para nossa categoria. Somos uma fanfarra completa no quesito percussão”, afirmou. 

As escolas participantes desta edição do Festival são: Major Alcides; Antônio Carlos Natalino; Ana Libória; Jaceguai Reis Cunha; Vanda da Silva Pinto; Hildebrando Ferro Bittencourt; Centro de Educação Sesc; Maria dos Prazeres Mota; Tancredo Neves; Mário David Andreazza; Lobo D’Almada; Carlos Drummond de Andrade; Maria Raimunda Mota de Andrade; Padre José Monticone (Mucajaí) e Vereador Francisco Pereira Lima (Mucajaí).

“O que me alegra, é ver que somos a única escola particular que participa do evento. Depositamos toda a confiança e acreditamos no trabalho que realizamos, isso nos motiva a participar sempre de eventos assim e a continuar a propagação da cultura através da fanfarra”, destacou Magdiel.

De acordo com a diretora regional do Sesc, Cristiane Silva, a fanfarra têm apresentado esforço e empenho, além de sucesso em suas atividades. “É um trabalho lindo. Tenho acompanhado os ensaios, e apreciado a dedicação dos alunos e professor. Desejamos que a fanfarra fique cada vez mais qualificada e que venha engrandecer mais o nosso trabalho cultural, dentro e fora do Sesc”.

Para 2015, a Fanfarra Sesc aguarda a aprovação de um projeto que prevê maios estrutura para a atividade, com instrumentos específicos para que tenha uma Banda Marcial, e assim participação em mais eventos e competições, além de continuar a desenvolver cultura entre os alunos e comunidade. 

O Festival

O Festival será divido em três categorias: Fanfarras de Percussão (que utiliza instrumentos de percussão como atabaque, bumbo, surdo e prato), Fanfarras de Sopro (com instrumentos da família dos metais como corneta e cornetão) e Bandas Marciais (que possibilita uma estrutura maior, com utilização de trompete, bombardinos, tuba e trombone).

Cada fanfarra terá o tempo máximo de 20 minutos para se apresentar. Os grupos musicais serão avaliados por um júri técnico formado por músicos da Banda de Música da 1ª Brigada de Infantaria de Selva, do Exército Brasileiro.

Durante a evolução da Fanfarra, o júri irá avaliar quesitos de cadência, harmonia, alinhamento, alegoria, evolução, criatividade e conjunto. Também serão avaliados e premiados: Melhor Regente, Melhor Baliza, Melhor Corpo Coreográfico, Linha De Frente e Mor.

 

 

 

Deixe uma resposta