Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Servidores da Sesau terão dois dias para serem vacinados

Servidores da Sesau terão dois dias para serem vacinados

Com a imunização, a evasão do trabalho é evitada, garantindo assim a qualidade na prestação dos serviços à população em geral - Foto: Ascom/SesauCom 472 servidores lotados em sua sede, entre efetivos e comissionados, além dos funcionários terceirizados, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) receberá nestas quinta e sexta-feira, 14 e 15, a equipe do Núcleo Estadual do Programa de Imunização (NEPNI). A ação da ação ocorrerá na sala de reuniões da Coordenadoria-Geral de Atenção Básica (CGAB). Para a ação na Sesau, o núcleo irá disponibilizar uma equipe formada por vacinadores e técnicos que atuarão no preenchimento dos cartões.

No período da manhã, a equipe inicia os trabalhos às 08h30min até às 11h. Já na parte da tarde, as doses estarão disponíveis a partir das 14h30min até às 17h. Seguindo o cronograma do projeto extramuros, os servidores terão dois dias para atualizarem a carteira de vacina e ficarem protegidos de doenças graves, como hepatite B, tétano, febre amarela e influenza. Familiares também poderão participar.

O gerente do NEPNI, Rodrigo Zagury, conta que nove instituições já foram beneficiadas este ano com o projeto iniciado em julho, cujo objetivo é levar a imunização ao local de trabalho. “Com a correria do dia-a-dia, os trabalhadores acabam deixando de priorizar um tempo para cuidar da saúde”, explicou Zagury, enfatizando que a ideia é facilitar o acesso a estes servidores.

Ainda de acordo com o gerente, a vacina mais requisitada entre os servidores é a da influenza, ou seja, da gripe. A vacina será disponibilizada pelo fato de ter sobrado doses da última campanha. A meta de cobertura foi atingida e então o Ministério da Saúde autorizou a imunização do público em geral, ou seja, aqueles que não estão dentro dos grupos prioritários, como os idosos, crianças, trabalhadores em saúde, puérperas e grávidas.

A transmissão dos vírus influenza ocorre por meio do contato com secreções das vias respiratórias eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar, ou através das mãos ou objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

A maior incidência de infecções respiratórias nos períodos chuvosos é causada pela tendência à aglomeração das pessoas em lugares com janelas e portas fechadas para se proteger. Nesses ambientes mal ventilados, a proximidade das pessoas facilita a transmissão de vírus e bactérias.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, em Exercício, Alysson Lins, servidores vacinados significa proteção à própria saúde e a dos demais colegas de trabalho, além de proporcionar uma redução de gasto com medicamentos para tratar os sintomas e mal-estar ocasionados pela doença. “A evasão do trabalho também é evitada, garantindo assim a qualidade na prestação dos serviços à população em geral”, frisou.

De acordo com o calendário do NEPNI de agosto, os próximos órgãos a receberem a equipe de imunização serão o Ministério Público do Estado (MPE-RR) e a Secretaria de Estado da Educação (Seed). Para as organizações interessadas em receber a ação, o procedimento é simples. Zagury explica que basta formalizar um pedido ao Núcleo Estadual para que seja feito um agendamento, conforme disponibilidade.

 

 

 

Deixe uma resposta