Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Quarteto Amazônico Sesc levou música erudita para Iracema

Quarteto Amazônico Sesc levou música erudita para Iracema

Quarteto se apresenta no final de semana em Boa Vista - Foto: Larissa Mello

Quarteto se apresenta no final de semana em Boa Vista – Foto: Larissa Mello

O Serviço Social do Comércio em Roraima (Sesc-RR) vem realizando desde o dia 5 de março, concertos didáticos gratuitos em escolas no Interior do Estado. Os municípios de Rorainópolis, São João da Baliza e Iracema já foram contemplados com o projeto piloto que visa disseminar a música erudita entre crianças.

Em Rorainópolis, cerca de 300 crianças presenciaram o concerto e em São João da Baliza foram 120. Na última sexta-feira, 6, a Escola Aguiar Pereira, localizada no município de Iracema, recebeu o concerto de músicas populares e eruditas, com a meta principal de educar e preparar as crianças que não tem acesso ao universo de concerto. Cerca de 60 crianças entre 6 e 14 anos prestigiaram o evento.

Jhenes Frota, gerente de Cultura do Sesc-RR, afirma que o projeto pretende atender todos os municípios este ano. “Fomos muito bem recepcionados nos locais que levamos o concerto. As crianças ficam encantadas e os professores admirados com nossa ação. Não é apenas um concerto, é uma aula pedagógica, uma espécie de aula assistida com duração de 40 minutos. Os próprios músicos explanam sobre seu instrumento e épocas da música como período barroco, erudito. O ano de 2015, será o ano em que vamos em todos os municípios”, ressaltou.

Claudio Moura, supervisor de Cultura, se refere à importância do conteúdo repassado. “É algo novo para estas crianças, muitas delas não faziam ideia que existisse todo esse contexto histórico da música, outras jamais estiveram perto de instrumentos”, destaca.

Ana Rebeca Machado e sua prima Seliny Silva Machado, ambas com 10 anos de idade, acompanharam a apresentação em pé, por opção. Quando questionadas, responderam: “Queremos assistir assim para não perdemos nada. O violoncelo é lindo, e seu som é forte, gostamos muito mais do violoncelo”.

Para Marineide da Cruz Soares, diretora da escola, a ação é sempre recebida com satisfação. “É bem proveitosa a presença do Quarteto Amazônico Sesc aqui na escola. Contribui muito para as crianças, disso eu tenho certeza. As portas estarão sempre abertas para o Sesc, sempre bem vindos, afinal as crianças amam tudo”.

Bia Gomes da Silva, de 5 anos e seu irmão Delermano Gomes da Silva de 10, relataram nunca ter visto instrumentos de cordas. Apenas uma vez na igreja em que os pais frequentam.

Poliana Borges, professora da escola, também expressou a importância de haver música aliada a educação. “A música desenvolve a formação da criança, tanto no profissional, como no pessoal. No interior de Roraima o acesso é muito difícil. Este projeto será bem vindo, e está de parabéns”.

Midian Souza Garcia, vice-diretora, aponta o ineditismo até mesmo para o corpo docente. “Uma ação muito boa, nova até mesmo pra gente, pro grupo de gestores”.

Nos dias 20 e 27, o concerto será para os alunos do Centro de Educação Sesc e para alunos de uma escola da capital que ainda está a definir.

Quarteto Amazônico Sesc

O Quarto Amazônico Sesc tem como objetivo difundir a música através de um calendário de apresentações dentro e fora do estado, em salas de concerto, escolas e auditórios.”Pretendemos expandir os horizontes da música de câmara e instrumental no extremo norte do Brasil. Com música de qualidade incentivar as pessoas para que valorizem a música de concerto. Popularizando o erudito e ‘eruditizando’ o popular”, destacou Antônio Alves de Castro, instrutor de música  e técnico responsável pelo quarteto.

Larissa Mello

 

Deixe uma resposta