Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Projeto Crescer: pais conhecem ações desenvolvidas na unidade do Pintolândia

Projeto Crescer: pais conhecem ações desenvolvidas na unidade do Pintolândia

Reunião de paais de integrantes do Projeto Crescer - Fotos: Marcos Lima

Reunião de paais de integrantes do Projeto Crescer – Fotos: Marcos Lima

O ano letivo para os alunos do projeto Crescer se iniciou no último dia 15 de fevereiro. E nesta terça-feira, 1º, um grupo de pais e responsáveis dos jovens atendidos na unidade do bairro Pintolândia recebeu em clima de festa as boas vindas da equipe técnico-administrativa do lugar e aproveitaram para conhecer as principais ações que lá são desenvolvidas.

Ao todo, serão feitos três encontros de apresentações. Este primeiro foi com os pais dos alunos que atuam nas oficinas de Moda e Artesanato. Os visitantes eram compostos por pais, mães, avós, tios e irmãos que possuem algum dos beneficiados pelo projeto. Eles ouviram atentamente as exposições dos assistentes sociais, psicólogos e instrutores das oficinas ministradas na unidade, ocasião em que estes enfatizaram a importância de a família estar sempre presente no dia a dia dos jovens.

“É muito importante essa tríade envolvendo a Prefeitura, o Crescer e a família. Pois os jovens recebem diversas instruções, não apenas quanto às oficinas, mas também sobre comportamento, responsabilidade e caráter. E é de grande importância que a família acompanhe este processo”, afirmou Lucélia Valério, administradora do projeto.

A dona de casa Marta de Gama Gomes é mãe de Mateus, 17. Há cerca de um ano ele vem se desenvolvendo na oficina de Artesanato, algo que antes ele não demonstrava ter aptidão alguma. Mas, com o passar dos meses, ele foi se revelando um exímio artista.

projetocrescer17“Eu me impressionava com cada peça que ele fazia com as próprias mãos e levava para casa. Isso me orgulha bastante, pois meu filho hoje é uma pessoa diferente. Passa mais tempo com a família, é responsável e vai ser um grande artista no futuro, dando mais orgulho para mim e para nossa família”, disse ela, emocionada.

Já Franciane dos Santos Correia é mãe de Wenny, 18, Wendy, 19, e Wenderson, 21, todos alunos do projeto. Para ela, mesmo em meio às dificuldades do dia a dia, ela também observa que houve uma grande mudança no caráter de cada um deles e ela deve isso ao sucesso representado pelo Crescer.

“Eu já tive muita ‘dor de cabeça’ com meus filhos no passado, mas hoje isso não acontece muito. Eles participam das oficinas e aprendem a como ser pessoas melhores e mais responsáveis”, destacou.

Na quinta-feira, 3, será a vez dos pais dos alunos das oficinas de Panificação, Trânsito e do Berçário conhecer as instalações da unidade do Pintolândia. E na próxima semana, ocorre o encontro com os responsáveis pelos alunos da unidade no Calungá. Ao todo, são atendidos 500 jovens de 15 a 25 anos.

Fábio Cavalcante

 

Deixe uma resposta