Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Programa Ronda no Bairro será lançado neste domingo

Programa Ronda no Bairro será lançado neste domingo

Secretário de Segurança Amadeu Soares - Foto: Antônio DinizA nova política de policiamento comunitário, por meio do programa Ronda no Bairro, terá seu lançamento oficial neste domingo, 15, a partir das 17h, no Parque Anauá. A partir de então, por determinação do governador Chico Rodrigues, as 40 viaturas adquiridas para este primeiro momento já estarão percorrendo todos os bairros, garantindo mais segurança à população.

O programa, que vem sendo implementado há dois meses em Roraima, é uma ação de combate à criminalidade, onde serão identificados os principais focos de ilícitos como violência, assaltos, tráfico de entorpecentes, exploração sexual, entre outros, de forma que sejam repelidos num arco de ação mais abrangente.

Nesta terça-feira, 10, o governador Chico Rodrigues fez a vistoria das 15 primeiras viaturas entregues para atuar no programa. A proposta é que em até 24 horas após a implantação oficial, as equipes já estejam percorrendo todos os bairros da capital fazendo rondas ostensivas, assegurando a ordem e a tranquilidade da população.

“A partir desta quarta-feira, 11, acontece o processo de montagem dos equipamentos nas viaturas, que são condutores de alta tecnologia. Isso vai facilitar a vida dos policiais no trabalho de patrulhamento dos bairros. É uma inovação fantástica que estamos fazendo na capital e tenho certeza que esse programa vai fazer a diferença em toda a história deste Estado. Tão logo aconteça a implantação, nós teremos todas as equipes trabalhando em favor da nossa gente”.

De acordo com o secretário de segurança pública, coronel Amadeu Soares, a implantação da nova filosofia de polícia comunitária vai contribuir para que a polícia esteja não apenas presente nas comunidades, mas também mais próxima da população, conhecendo cada morador, acompanhando o dia a dia da comunidade. Com o trabalho preventivo, os indicadores de delitos como violência e criminalidade devem diminuir.

“A polícia vai cuidar das pessoas. Com esta filosofia, a polícia vai proteger a população, acompanhar a rotina da hora em que o cidadão acorda até a hora em que se deita. Será uma polícia que interage com a comunidade, recebendo denúncias que logo serão apuradas, tornando-se processos que chegarão à Justiça. É necessário esse espírito de cooperação entre polícia e comunidade, para que esta se sinta partícipe do processo”.  

Foi feito um georreferenciamento, em que a capital foi dividida em setores onde as equipes do Ronda no Bairro vão atuar. A disposição das equipes será determinada conforme a população de cada setor. Em relação aos municípios do interior, o coronel Amadeu explicou que será traçado um sistema especial, uma vez que além das sedes há também vilas dispostas em meios às estradas vicinais.

No mês de maio, 62 integrantes do Sistema de Segurança Pública, sendo oito delegados de polícia civil e 54 policiais militares, entre oficiais e praças, passaram por curso de formação onde conheceram as tecnologias a serem utilizadas no programa, além de receber noções de cidadania, georreferenciamento, direitos humanos e relações humanas.

Abastecimento de veículos

O secretário Amadeu Soares explicou também que o abastecimento de combustível dos veículos que atuam na segurança pública será feito a partir de um novo sistema, que vai garantir mais controle e mais eficiência nas operações com as viaturas policiais.

“Nós aderimos a uma ata de registros de preços de um gestor de padrão nacional que tem toda uma rede de postos credenciados. Então nós saímos do sistema antigo para esse sistema que é bem maior o controle, totalmente informatizado”.

 

 

 

Deixe uma resposta