Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Músicos roraimenses participam de oficina de Lutheria

Músicos roraimenses participam de oficina de Lutheria

Alunos tiveram aulas téóricas e contato com instrumentos musicais - Foto: Fernando TeixeiraO Instituto de Música de Boa Vista, em Parceria com a Prefeitura, deu início nesta quinta-feira, 3, a Oficina de Lutheria para instrumentos de sopro. As aulas são gratuitas e seguem até sábado, 5. A Oficina é ministrada pelo luthier e representante da empresa de instrumentos musicais Yamaha do estado do Amazonas, Oberlan Viana.

Os alunos terão aulas teóricas e contato com instrumentos musicais. “O mercado para quem quer seguir a profissão de luthier é muito bom, pois a cada dia cresce o número de bandas de música em nossa região e aqui no Norte é escasso o número de profissionais neste setor. O luthier é quem vai cuidar da manutenção de todo esse material”, explicou o especialista.

Ainda de acordo com Oberlan, os interessados nas aulas precisam ter dedicação para aprender esta arte. “O preço da hora técnica para consertar um instrumento vai de R$ 80 a R$ 100 e como a mão de obra é pouca na região, temos que recorrer aos profissionais do Rio de Janeiro e São Paulo o que acaba elevando ainda mais o custo da manutenção” relatou.

Para o 2º sargento da banda de música do Exército Eliseu Oliveira, oficinas como esta são de extrema importância para a manutenção dos instrumentos. “Aqui em Roraima é tudo mais difícil, e precisamos de cursos como este para nos ensinar a cuidar dos nossos instrumentos. Parabenizo a prefeita Teresa Surita pelo apoio a música e valorização dos profissionais e espero que venha outras ações como esta”, destacou.

A Oficina de Lutheria para instrumentos musicais de sopro é uma das ações planejadas pelo Instituto que tem como foco o fortalecimento e a valorização da música em Roraima.

O coordenador da Oficina, maestro Franscisco Felício, explicou que a ideia surgiu por uma necessidade gerada pela ausência desse tipo de profissional na região. “Com essa capacitação queremos que a cidade tenha estrutura para manter a música como fonte de inclusão social. Apoiamos as bandas, formamos novos corais e agora queremos formar pessoas capacitadas para cuidar dos instrumentos”, afirmou.

Colaboração

O Luthier Oberlan faz questão de presentear o Instituto de Música de Boa Vista com um repertório de banda e de orquestra digitalizado que envolve música erudita e popular para os músicos roraimenses.

Serviços

A Oficina de Lutheria continua nos dias 4 e 5, no horário das 14 às 17. Excepcionalmente na sexta-feira as aulas ocorrerão até às 12h. As inscrições são gratuitas e as aulas estão sendo ministradas na Vila Olimpíca, no bairro Joquéi Clube.

 

 

Deixe uma resposta