Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Hospital da Criança: Boa Vista está entre os poucos municípios no Brasil que abriram novos leitos nos últimos anos

Hospital da Criança: Boa Vista está entre os poucos municípios no Brasil que abriram novos leitos nos últimos anos

Novo bloco aumentou número de leitos - Foto: Marcos Lima Enquanto nos últimos quatro anos o Sistema Único de Saúde  (SUS) diminuiu 14.671 leitos para internação em todo o Brasil, Boa Vista acabou de ganhar mais 63 novos leitos no Hospital da Criança Santo Antônio. Os dados foram levantados pelo Conselho Federal de Medicina, no período de julho de 2010 a julho de 2014.

No início desse período, o SUS contava com 336,2 mil leitos, número que caiu para 321,6.  As informações foram apuradas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), junto ao Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), do Ministério da Saúde.

Já no ano passado, o CFM fez um levantamento semelhante nos recursos físicos disponíveis no SUS e identificou que 42 mil leitos haviam sido desativados entre outubro de 2005 e junho de 2012.

De acordo com o CFM, Roraima está entre os únicos nove estados que apresentaram algum tipo de melhora. Para o presidente do Conselho Regional de Medicina de Roraima (CRM), Alexandre Marques, a abertura de novos leitos em Boa vista é um importante passo na saúde.

“A abertura de 63 novos leitos no Hospital Santo Antônio representa um avanço na saúde do estado, uma vez que estamos com quase quinhentos mil habitantes e é preciso acompanhar esse crescimento. As emendas parlamentares que destinam recursos à saúde, como foi o caso dessa obra do Hospital da Criança, são extremamente importantes, pois garantem melhores condições de atendimento à população”, finalizou, o presidente.

A inauguração de Bloco H é uma importante meta cumprida pela prefeita Teresa Surita, que tem a saúde como prioridade na sua gestão. “Esse é um importante avanço para Boa Vista e para o Estado de Roraima. A ampliação do Hospital da Criança e o aumento no número de leitos vêm reforçar o nosso compromisso em cuidar da população. Estamos trabalhando para oferecer cada vez mais e melhores condições de atendimento para as nossas crianças”, destacou, Teresa.   

Nova estrutura 

A partir da próxima semana, o bloco H começa a receber os primeiros pacientes. Nessa primeira etapa, o bloco será destinado a atender os casos mais graves que inspiram cuidados especiais, como pacientes da UTI e UCI.

 

 

 

Deixe uma resposta