Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Escola comemora Dia Nacional do Livro Infantil com ação ao ar livre

Escola comemora Dia Nacional do Livro Infantil com ação ao ar livre

Alunos e professores homenagearam o escritor Monteiro Lobato – Fotos: Jackson Souza.

“Um país se faz com homens e livros”, já dizia a célebre frase de Monteiro Lobato, considerado o pai da literatura infantil brasileira. O escritor é o homenageado do Dia Nacional do Livro Infantil, comemorado nessa terça-feira, 18. Para destacar a importância da data, a Escola Municipal Valdemarina Normando Martins celebrou o aniversário do escritor no Parque Germano Augusto Sampaio, com homenagens e parabéns.

No local, foram montados espaços de leituras com biblioteca ao ar livre e varal de leitura. Os alunos fizeram apresentações para os frequentadores do Parque, com declamação de poesias, contação de histórias, e a dança da boneca Emília, do Sítio do Picapau Amarelo. As revistas em gibis expostas no varal foram doadas à comunidade que parou para ouvir os alunos.

Esta é a primeira ação do Projeto “Leitura como Descoberta de Jovens Talentos da Escola Municipal Valdemarina”, criado em março deste ano e lançado oficialmente na segunda-feira, 17. O intuito principal do projeto é despertar nos alunos o gosto pela leitura e levar os livros para os espaços públicos de Boa Vista.

No aniversário de Monteiro Lobato, o que foi degustado foram os livros em todas as suas formas. As crianças leram, cantaram e dramatizaram para as pessoas, a personagem Lella Pink também participou animando a ação. Lella é uma criação da professora de Artes, Marcela Melo, que há quatro anos criou a personagem para atrair a atenção da criançada, durante a contação de histórias, que ela domina há oito anos.

As alunas Érica Vitória e Annalice Lucas estavam empolgadas com a atividade ao ar livre. As duas estão entre os alunos participantes da primeira ação do projeto porque são fluentes na leitura. “Eu aprendi a ler no 2º ano e desde então, com a ajuda dos professores, tenho me dedicado para melhorar ainda mais. E esse momento é ainda mais legal porque estamos levando a leitura para as pessoas que estão passando”, disse Annalice.

Até novembro deste ano, o projeto percorrerá diversos locais da cidade levando em conta as datas comemorativas. O objetivo é incentivar a comunidade em geral a aproveitar os benefícios de uma boa leitura, seja nas praças, nos hospitais, abrigo infantil, bancos, ou no ambiente de trabalho.

“Após um diagnóstico feito pela escola, detectamos 152 crianças que ainda não estavam alfabetizadas. Então nos reunimos e elaboramos um projeto de leitura para que pudéssemos sanar o déficit de aprendizagem destas crianças. Imaginamos não um projeto comum, porque nem toda criança gosta de ler e esta é uma maneira atrativa de despertar neles esse hábito e ainda ter a chance de incentivar as outras pessoas”, relatou a gestora, Maria Rodrigues.

18 de Abril (Dia Nacional do Livro Infantil)

Esta data foi instituída através da Lei 10.402/02 como forma de eternizar o nascimento do escritor brasileiro Monteiro Lobato. Trata-se de uma justa homenagem àquele que dedicou anos de sua vida à literatura infantil no Brasil. A menina do narizinho arrebitado, sua primeira história infantil, foi publicada em 1920. O sucesso foi tanto que fez com que outros livros surgissem, imortalizando personagens como Dona Benta, Pedrinho, Narizinho, Tia Nastácia, a boneca Emília, o Visconde de Sabugosa e tantos outros.

Monteiro Lobato foi o primeiro escritor da literatura infantojuvenil a perceber a necessidade de inserir nas historinhas, elementos da cultura nacional, como os costumes do povo do interior e as lendas de nosso folclore. Foi também o precursor da literatura paradidática, cuja principal característica é permitir que a criança aprenda enquanto brinca e lê. O escritor nasceu em Taubaté, Estado de São Paulo, no dia 18 de abril de 1882, e faleceu no dia 04 de julho de 1948, com 66 anos.

Ceiça Chaves

 

Deixe uma resposta