Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Política | Energia elétrica: aumento da tarifa será questionado em audiência pública na ALE-RR

Energia elétrica: aumento da tarifa será questionado em audiência pública na ALE-RR

Deputado Coronel Chagas - Foto: Platão Arantes

Deputado Coronel Chagas – Foto: Platão Arantes

Para discutir questões gerais sobre o fornecimento de energia elétrica no Estado e questionar junto ao Governo Federal o aumento abusivo da tarifa de consumo de energia elétrica em Roraima, será promovida na próxima quinta-feira, 12, às 9h, na Assembleia Legislativa de Roraima, uma audiência pública sobre o tema.

O anúncio do evento foi feito pelo 1º vice-presidente da Assembleia, Coronel Chagas, (PRTB). Ele explicou ainda que serão convidados para participar dos debates representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica, (Aneel), da Eletrobrás e Eletronorte. Serão chamados também, conforme o Chagas, o Ministério Público Federal (MPF) e Ministério Público Estadual (MPE), Defensoria Pública da União (DPU) e Defensoria Pública do Estado (DPE).

Coronel Chagas acrescentou ainda que a audiência pública servirá, principalmente, para questionar junto a Aneel e demais órgãos responsáveis pela distribuição e geração de energia em Roraima e no Brasil, que, em nível local, temos um diferencial do restante do País.

Ou seja, a energia consumida no Estado é fornecida pela Venezuela (VE), por meio do Linhão de Guri, uma vez que Roraima ainda não integra o Sistema Interligado Nacional (SIN), que poderá ocorrer com a implantação da Linha de Transmissão de Tucuruí, entre Manaus e Boa Vista.

“Não se pode aplicar em Roraima as mesmas regras de consumo tarifado das demais regiões do País, pois a nossa energia é proveniente da Venezuela. Os presidentes e diretores regionais e nacionais terão que explicar e justificar este reajuste para o povo roraimense”, reafirmou o 1º vice-presidente da Assembleia.

O tema tem sido pauta para a maioria dos pronunciamentos realizados pelos deputados de Roraima, durante as sessões ordinárias da Casa. Na última quarta-feira, 4, o presidente da Assembleia, deputado Jalser Renier (PSDC), anunciou que a Casa, por meio do Procon, ingressará com uma ação judicial requerendo a suspensão dos atos da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que autorizou o aumento na tarifa de energia elétrica em 40,33% para consumidores residenciais de Boa Vista. O reajuste, considerado abusivo, começou a valer no domingo, 1º.

Tarsira Rodrigues

 

Deixe uma resposta