Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Encontro busca aproximar pessoas com deficiência ao mundo da leitura

Encontro busca aproximar pessoas com deficiência ao mundo da leitura

O evento inicia às 9 horas, desta terça-feira, dia 10, na Biblioteca Infantil, o Palácio da Cultura - Foto: Secom-RR

O evento inicia às 9 horas, desta terça-feira, dia 10, na Biblioteca Infantil, o Palácio da Cultura – Foto: Secom-RR

A Biblioteca Pública Delta Gôuveia, do Palácio da Cultura Nenê Macaggi, recebe nesta terça-feira, 10, o I Encontro “Rede de Leitura Inclusiva”, projeto desenvolvido pela Fundação Dorina Nowill. O evento inicia às 9 horas, na Biblioteca Infantil, e terá a participação da representante da Fundação e de instituições e público comprometido em ampliar as oportunidades de acesso ao livro e à leitura, para as pessoas com deficiência visual.

Conforme a diretora do Departamento de Biblioteca Pública, Tânia Magalhães, o encontro tem como proposta mobilizar e estreitar o relacionamento entre educadores, mediadores de leitura, governos, agentes de biblioteca e de organizações sociais, para disseminar a leitura inclusiva em Roraima e aproximar a pessoa com deficiência do mundo da leitura.

“Dentro das ações desenvolvidas pela nossa Biblioteca e, atenta às necessidades de acesso à leitura, temos buscado propiciar aos nossos leitores com deficiência visual acervos e espaços de leitura apropriados, então esse será um momento de orientação e discussão a respeito do assunto pra nossa realidade. Uma oportunidade de trocarmos experiências e levantar necessidades e atividades a serem implementadas para o benefício da educação inclusiva, e traçarmos os passos para a construção da Rede em nosso Estado”, destacou.

A programação será realizada até o final da manhã, com apresentação da ‘Rede Nacional de Leitura Inclusiva – Pesquisa Hábito de Leitura’, pela representante da Fundação Dorina, Perla Assunção, além de debates e levantamento de oportunidades locais, criação de uma agenda inclusiva colaborativa e um momento musical com o artista Vinícius Tocantins.

Desde junho de 2013, grupos de trabalho vem sendo formados em diversos estados. O primeiro passo para o desenvolvimento da rede, é o reconhecimento do cenário e mapeamento das principais iniciativas já desenvolvidas.

Fundação Dorina Nowill

Sediada em São Paulo, é uma organização sem fins lucrativos e de caráter filantrópico, que há mais de seis décadas tem se dedicado à inclusão social das pessoas com deficiência visual, por meio da produção e distribuição gratuita de livros braille (técnica para leitura destinada às pessoas cegas ou de baixa visão), falados e digitais acessíveis, diretamente para pessoas com deficiência visual. Para Cegos também oferece, gratuitamente, programas de serviços especializados à pessoa com deficiência visual e sua família, nas áreas de educação especial, reabilitação, clínica de visão subnormal e empregabilidade.

Fernanda Azevedo

 

Deixe uma resposta