Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Encceja Prisional: instituições de Roraima devem fazer adesão para realização do Exame

Encceja Prisional: instituições de Roraima devem fazer adesão para realização do Exame

O Encceja é uma oportunidade para que as pessoas privadas de liberdade possam continuar seus estudos - Foto: Ascom/SEEDAs pessoas privadas de liberdade terão a oportunidade de dar continuidade aos estudos com mais uma edição do Exame Nacional de Certificação de Competência de Jovens e Adultos para Pessoas Privadas de Liberdade, o Encceja PPL 2014.

Para tanto, os órgãos de Administração Prisional e Socioeducativa do Estado devem firmar um Termo de Adesão, Responsabilidades e Compromissos junto ao Instituto Nacional de Pesquisas e Informações Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

O INEP é o órgão responsável pela realização do Exame em todo o País. O prazo para a adesão segue até às 23h59 do dia 20 de junho. Após essa etapa, o coordenador pedagógico de cada unidade prisional é quem deverá realizar a inscrição dos interessados em participar do Exame. A mesma poderá ser feita até às 23h59 do dia 23 de junho (horário de Brasília -DF).

A inscrição deverá ser realizada exclusivamente pela internet, por meio do endereço http://sistemasespeciais.Inep.gov.br/unidadesprisionais. As provas do Encceja prisional serão aplicadas no dia 29 de julho nas unidades prisionais e socioeducativas nos turnos matutino (8h às 12h) e vespertino (14h às 19h). A aplicação do exame seguirá o horário de Brasília (DF).  

No período matutino, serão aplicadas as provas de Ciências Naturais, História e Geografia. Já no turno vespertino, será a vez das provas de Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação e Matemática. No ano passado, o Encceja PPL contou com 85 candidatos inscritos. 

Encceja

O Encceja tem o intuito de avaliar as habilidades e competências básicas de jovens e adultos que não tiveram oportunidade de acesso à escolaridade regular na idade apropriada. O Exame também possibilita a certificação de conclusão dos estudos. A participação é gratuita e voluntária.

Além disso, o Exame também tem uma série de objetivos, entre eles, a correção do fluxo escolar, construção de uma referência nacional de autoavaliação de jovens e adultos, a constituição de parâmetros de autoavaliação do participante visando a continuidade de sua formação e posterior inserção no mundo do trabalho.

 

 

             

Deixe uma resposta