Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado com vasta programação

Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado com vasta programação

A programação que encerra as atividades alusivas ao Dia Internacional da Síndrome de Down, contou com apresentações educativas e culturais - Foto: Marcelo Rodrigues

A programação que encerra as atividades alusivas ao Dia Internacional da Síndrome de Down, contou com apresentações educativas e culturais – Foto: Marcelo Rodrigues

A manhã desta sexta-feira, 20, foi toda dedicada aos os beneficiários do programa Rede Cidadania Atenção Especial da Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem Estar Social). A programação que encerra as atividades alusivas ao Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado no próximo dia 21 de março, contou com apresentações educativas e culturais. Além de um show especial da banda Luna.
“Procuramos desenvolver atividades na Rede, que melhore a qualidade de vida e proporcione maiores oportunidades para as pessoas com Síndrome de Down. Importante lembrar que este mês, o plenário da Câmara Federal aprovou um Projeto de Lei que institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. Isso é um marco para o Brasil e uma grande conquista para todos.”, disse a secretária estadual de Trabalho e Bem estar Social, Emília Campos.

Ela ainda destacou que parte da população ainda está mal informada sobre a capacidade das pessoas com a Síndrome de Down, que praticam esportes e participam cada vez mais da vida em sociedade.

Durante a semana, os beneficiários participaram de torneios esportivos e receberam atendimento de Saúde com oftalmologista, pediatra, clínico geral e odontólogo, além de aplicação de vacinas.

O encerramento da semana contou com a apresentação especial do grupo de dançado Boi – Bumbá, composta pelos beneficiários da Rede Atenção Especial. A programação seguiu pela manhã com uma palestra, sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência, proferida pelo representante do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência, Francisco Macêdo. Para encerrar as atividades, a banda Luna animou a festa, seguida por uma série de atividades recreativas.

Rede

Na Rede Cidadania Atenção Especial são atendidas cerca de 780 pessoas com algum tipo de limitação motora, visual, intelectual ou auditiva. Deste total, 92 são portadores da Síndrome de Down.

Um dos principais objetivos é inserir o portador da Síndrome de Down na sociedade, principalmente, por meio do mercado de trabalho. Para isso, é oferecido todo um suporte com atividades, por exemplo, de capacitação.

Os atendimentos são realizados por faixa etária. Até os quatro anos, os beneficiários são atendidos na Estimulação Precoce. De quatro a 14 anos, eles assistem aulas na Escola Especial, localizada na sede da Rede. Acima desta idade, eles passam a fazer parte da Unidade de Capacitação Produtiva, com o desenvolvimento de oficinas pedagógicas.

Sueda Marinho

 

Deixe uma resposta