Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Política | Deputado Hiran Gonçalves é eleito presidente da Comissão de Seguridade Social e Família

Deputado Hiran Gonçalves é eleito presidente da Comissão de Seguridade Social e Família

A eleição do parlamentar ocorreu nesta quinta-feira, na Câmara dos Deputados – Foto: Divulgação

A Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) elegeu nesta quinta-feira, 23, com 38 votos, o deputado Hiran Gonçalves (PP-RR) para presidente. Os vice-presidentes do colegiado serão eleitos posteriormente. Em um dia em que a Câmara dos Deputados elegeu os presidentes de 25 comissões permanentes, o deputado Hiran Gonçal­ves sucede a deputada Conceição Sampaio (PP-AM) que, na sua avaliação, fez uma gestão profícua em um ano atípico. Durante o último ano, o parlamentar foi vice-presidente da CSSF.

“Espero que, com a experiência e o conhecimento de cada um dos membros dessa comissão, nós possamos fazer um trabalho profícuo e que venha ao encontro das aspi­rações do povo brasileiro na questão da saúde, da Previdência, dos idosos, das crianças e das populações mais vulneráveis do país”, afirmou.

De acordo com o deputado Hiran Gon­çal­ves, ocupar a presidência da CSSF é motivo de orgulho, uma vez que os mem­bros do colegiado conhecem sua história de envolvimento com o movimento médico e as questões sociais. A Comissão de Seguridade Social e Família é considerada uma das mais impor­tantes da Câmara dos Deputados por tratar de temas como a Saúde, a Previdência e a Assistência Social. O colegiado também se destaca na proteção à criança, ao adolescente e ao portador de deficiência, além de se envolver com a pauta do controle de drogas, medicamentos e alimentos.

Satisfeito com a eleição, Gonçalves ressaltou que, na con­di­­ção de médico que dedi­ca a profissão atendendo pessoas, especial­mente, no Sistema Único de Saúde em Rorai­ma, há mais de 35 anos. “É uma honra e a realização de um sonho presidir essa comissão tão importante na formulação de políticas e com interface, principalmente, com os ministérios da Saúde e também da Previdência Social”, enfatizou.

No entendimento da ex-presidente da CSSF, deputada Conceição Sampaio, o parlamentar Progressista tem condições de assumir o posto antes ocupado por ela. “Não há dúvida de que todo o trabalho desenvolvido pela Comissão terá continuidade com Hiran Gonçalves que tem competência de sobra e, com certeza atenderá todas as outras demandas que serão tratadas com a sensibilidade que já é uma de suas características”, enalteceu.

Em seu discurso de posse, Gonçalves disse que acataria a sugestão feita por mem­bros da CSSF para promover um intercâmbio com a Comissão Especial que está ela­bo­rando o relatório final da Reforma da Previdência, a fim de que o colegiado possa trazer a discussão para a Câmara dos Deputados e, eventualmente, tentar procurar caminhos, discutir e conhecer profundamente a proposta que será apresentada ao povo brasileiro.

Ele fez ainda um agradecimento à indicação do seu nome pelo Partido Progressista (PP) nas figuras do presidente do partido, senador Ciro Nogueira (PI), do líder do partido, deputado Arthur Lira (AL) e do ex-líder e atual líder do governo na Câmara dos Deputados, Aguinaldo Ribeiro (PB), para ocupar a presidência da CSSF.

Com uma viagem marcada, ainda na quinta-feira, para o Rio de Janeiro, onde, no Ministério Público do Estado, iria tratar do programa de recuperação da Unimed Rio, o presidente da comissão mencionou que foi a própria CSSF que proporcionou a ele tratar desse tema. Segundo Gonçalves, a Unimed Rio estava quase chegando à liquidação no ano passado, quando foi procurado por médicos cooperados da cooperativa para tentar ajudar a solucionar o problema que envolvia um milhão de usuários. “Então, comecei a me envolver com o programa de recuperação daquela Unimed, a fim de evitar o colapso da instituição e o consequente impacto no SUS”, argumentou.

Defendendo o pleno restabelecimento financeiro da Unimed Rio, para o bem de todo o sistema de saúde, o parlamentar explicou que o impacto de uma liquidação no Sistema Único de Saúde seria devastador. “Hoje, com a nossa intermediação, vai ser prorrogado por um ano o termo de ajustamento de conduta para que se possa recuperar a cooperativa”, explicou.

Benné Mendonça

 

Deixe uma resposta