Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Crise nas Prefeituras: bloqueio no repasse do FPM é discutido por deputados na ALE-RR

Crise nas Prefeituras: bloqueio no repasse do FPM é discutido por deputados na ALE-RR

Guerra: “Temos que buscar meios para Roraima sair da economia do contracheque” - Foto: Charles WellingtonApós receberem a notícia da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) sobre a retenção total do repasse deste mês do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), por meio da Receita Federal, às doze prefeituras do Estado, os parlamentares da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) expuseram os seus posicionamentos sobre o assunto na manhã desta quarta-feira, 11.

O presidente da Casa, deputado Chico Guerra (PROS) lamentou a situação e disse que a bancada Federal deveria buscar apoio político para resolver a questão.

“Infelizmente o repasse do FPM é realizado de forma errada, os pequenos municípios da Amazônia são os que mais se prejudicam com isso e acabam pagando a conta mais cara. Quem perde é o cidadão que mora no final da vicinal, onde a prefeitura nem sequer tem condições de levar um remédio”, lamentou.

Guerra acredita que essa problemática está associada à real situação econômica do Estado. “Devemos buscar mecanismos para que Roraima saia da economia do contracheque e se torne independente, só assim os municípios não passarão mais pelo mesmo problema”, afirmou.

O deputado Joaquim Ruiz (PTN) disse que por várias vezes havia se pronunciado sobre o assunto no plenário da ALE-RR. “Há mais de três anos venho colocando na Assembleia Legislativa a situação do FPM das prefeituras do Estado”.

O parlamentar afirmou que já apresentou inúmeras vezes, por meio de pesquisa, a disparidade no envio de recursos repassados aos municípios de Roraima se comparado ao de outros Estados brasileiros.

“Tentei contato com a Associação dos Municípios, mas infelizmente foi em vão, bem como coloquei a situação no Congresso Nacional, em Brasília”, justificou. 

 

 

 

Deixe uma resposta