Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Conjunto Pérola: Prefeitura institui nova feira livre em Boa Vista

Conjunto Pérola: Prefeitura institui nova feira livre em Boa Vista

Neste sábado foi o primeiro dia de funcionamento como teste – Fotos: Eduardo Andrade

A partir deste sábado, 11, uma nova feira livre começa a funcionar em Boa Vista, nesse caso, com os moradores do Conjunto Habitacional Pérola do Rio Branco. Ela fica localizada na rua Uiramutã esquina com a rua Tepequém, no bairro Airton Rocha. A feira será todos os sábados no horário fixo das 6h ao meio-dia. Neste primeiro dia de funcionamento de teste, 26 feirantes comercializaram diversos produtos como frutas, verduras, bijuterias, vasos de plantas, tapetes, entre outros.

Os feirantes contemplados são moradores do próprio residencial e ganharam o direito de comercializar os produtos por meio de pesquisa socioeconômica e cadastramento feito pelo Programa Braços Abertos. A ideia é fomentar a economia local e garantir emprego e renda para quem está desempregado ou vive com baixo salário.

No local, serão comercializados produtos secos como verduras, legumes, grãos, pães entre outros. Não está autorizada a comercialização de carnes e peixes, devido a configuração do local. De acordo com Elisabete Soares, secretária adjunta da Secretaria Municipal de Projetos Especiais, a feira é resultado de longo trabalho até chegar aos contemplados.

“O objetivo da feira é oportunizar emprego para quem não tem ou complementar a renda de quem ganha pouco. Após a identificação dessas famílias, começamos a trabalhar em reuniões para falar dos conceitos de limpeza, de organização, de padronização e sobre os tipos de produtos que essa feira poderia oferecer”, disse.

Ainda segundo Elisabete, este primeiro dia é uma forma de teste com a verificação da clientela e dos produtos comercializados. “Quando estiver funcionando na sua plenitude estudaremos a implantação em outros locais da cidade”, frisou.

A nova feirante Eliane Lira, de 27 anos, viu nessa iniciativa uma maneira de aproveitar os vasos de plantas produzidos pela sua tia para vender e garantir renda para a família. “Eu não trabalhava, agora tenho como ter um dinheirinho todo final de semana. Vamos aumentar a clientela e potencializar a criatividade da minha tia que há muito tempo se dedica na produção de vários tipos de vasos, cada um mais lindo que o outro. Agradeço a prefeitura pela oportunidade”, disse.

A senhora Maria do Espírito Santos, de 54 anos, está feliz vendendo seus produtos artesanais. “Muito feliz de ter conseguido esse espaço para trabalhar, mostrar e vender minhas produções”, disse alegre.

A Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Emhur) regulamentou a ocupação do espaço público, o Programa Braços Abertos fez o cadastramento e a seleção dos interessados e a Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente será responsável pela administração da feira, bem como organização e limpeza. Agora o município administra três feiras livres em Boa Vista: a do Garimpeiro, do Pintolândia e a do Conjunto Pérola.

A criação de uma feira naquela localidade foi um compromisso assumido pela prefeita de Boa Vista, Teresa Surita, durante reunião do Programa Braços Abertos. O decreto foi assinado pela chefe do executivo na quinta-feira, 9, e será publicado nos próximos dias.

“Houve uma solicitação daqui da comunidade para que esse conjunto tivesse a oportunidade de ter uma feira, gerando emprego e renda. A prefeita se sensibilizou e atendeu prontamente o pedido dos moradores. Hoje estamos acompanhando o primeiro dia de funcionamento”, ressaltou Sérgio Pillon, presidente da Emhur.

Ceiça Chaves

 

Deixe uma resposta