Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Conferência Saúde do Trabalhador: etapa estadual aponta 12 propostas para evento nacional

Conferência Saúde do Trabalhador: etapa estadual aponta 12 propostas para evento nacional

Uma das propostas é a criação do Centro de Especialidade voltada ao trabalhador - Foto: Ascom/SesauDas 44 propostas à saúde do trabalhador sugeridas pelos municípios, 12 foram aprovadas pelos 72 delegados da II Conferência Estadual. As deliberações serão encaminhadas para discussão em âmbito nacional. A aprovação ocorreu no encerramento do evento estadual na sexta-feira, dia 25. No mesmo dia, foi eleita a delegação que representará Roraima na IV Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador/a, em novembro.

Com base no tema central das conferências “Saúde do trabalhador e da trabalhadora, direito de todos e todas e dever do estado”, os participantes trabalharam em quatro grupos temáticos, por meio dos eixos temáticos nacional.

O eixo bastante debatido foi o da efetivação da Política Nacional nas três esferas de governo. Para discutir em nível nacional as bandeiras de luta aprovadas para o Estado, três merecem destaques: a garantia dos acidentes de trabalho serem notificados desde a entrada na unidade de saúde até o acompanhamento do Centro de Referência Saúde do Trabalhador (Cerest); em segundo, a garantia do atendimento nas portas de entrada por profissionais especialistas, em especial agravos de acidente de forma prioritária.

O terceiro eixo proposto é a criação do Centro de Especialidade voltado aos trabalhadores de saúde. A ideia é proporcionar uma melhora na qualidade de vida, para que eles possam proporcionar um atendimento aos usuários como preconiza o Sistema Único de Sus (SUS).

Sobre o desenvolvimento socioeconômico e seus reflexos. O destaque ficou para a criação de um procedimento dentro das unidades para melhorar e qualificar o atendimento do Programa Cuidando do Cuidador. Outro trata-se da abertura de cursos de graduação – nas Universidades Públicas do Estado – em fonoaudiologia e terapia ocupacional, para suprir a carência de profissionais.

Quanto ao fortalecimento da participação nas ações, a capacitação permanente de forma regionalizada para os conselheiros de saúde e Integração entre Cerest e Estratégia Saúde da família, com ênfase na saúde do trabalhador para promoção em educação em saúde são algumas dentro do eixo norteador.

O gerente do Cerest Estadual, Jean Martins, avaliou a conferência como excelente. “Tivemos um grande avanço, pois saúde do trabalhador é uma política que não vinha sendo discutida e tivemos oportunidades de formular boas propostas. Pretendemos aplicá-las no Estado, independentemente, da aprovação nacional ”, comentou.

Delegados

Roraima enviará oito delegados para a Conferência Nacional, sendo quatro representante a categoria usuário, dois na categoria trabalhador e dois gestor prestador. A quarta etapa nacional acontecerá de 10 a 13 de novembro, em Brasília.

 

 

Deixe uma resposta