Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Política | Cidadãos terão acesso às ações parlamentares por meio da internet

Cidadãos terão acesso às ações parlamentares por meio da internet

CAC e representantes de Câmaras Municipais - Foto Alfredo Maia

CAC e representantes de Câmaras Municipais – Foto Alfredo Maia

Os cidadãos dos 15 municípios do estado já podem acompanhar pela Internet a atuação dos legislativos municipais por meio dos portais das respectivas Casas legislativas. Essa ação é resultado da parceria da Assembleia Legislativa de Roraima com o Senado Federal por meio do CAC (Centro de Apoio às Câmaras).

Para garantir mais benefícios à população e facilitar as atividades parlamentares, o presidente da ALE-RR, deputado Jalser Renier (PSDC), anunciou nesta sexta-feira, 27, no Plenarinho do Poder Legislativo, durante encontro com representantes das câmaras municipais, algumas ações para modernização dos legislativos municipais.

Uma delas é a implantação do SAPL (Sistema de Apoio ao Processo Legislativo). Essa ferramenta é o melhor software da América Latina de acompanhamento do Processo Legislativo. Com isso, o cidadão que tiver interesse em conhecer a atuação do parlamento, terá acesso às leis, projetos de lei e normas jurídicas via internet, sem necessidade de locomoção até as câmaras.

“Essa capacitação servirá para a informatização da nossa câmara. Hoje em dia, um dos grandes problemas é a sistematização das nossas ações, como proposições e tramitação das matérias. A comunidade terá acesso a essas informações e poderá dar sugestões para que possamos fazer um bom trabalho em prol do nosso município”, disse o vereador da Câmara de Iracema, Francisco das Chagas (PSDC).

Além disso, Jalser também afirmou que a ALE-RR firmará termos de cooperação técnica com o Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Ministério Público de Roraima (MPRR) para que essas instituições orientem os gestores municipais sobre a aplicação correta dos recursos públicos. “O que existe em alguns municípios é a desinformação por parte dos gestores. O que queremos é uma prevenção administrativa para que todos os presidentes de câmaras, secretários e prefeitos do interior possam executar um trabalho com transparência e que possam ser revertidos em melhoria e qualidade de vida dos cidadãos de cada município”, afirmou.

Chame, Procon e Escolegis – O presidente da ALE-RR, Jalser Renier, assegurou que a partir de maio, os serviços oferecidos pelo Centro Humanizado de Atendimento à Mulher (Chame), Procon Assembleia e Escola do Legislativo (Escolegis) serão levados aos municípios em parcerias com as câmaras municipais.

Sônia Lúcia Nunes

 

Deixe uma resposta