Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Cidadão do Futuro: turma de 2017 inicia atividades nesta terça-feira

Cidadão do Futuro: turma de 2017 inicia atividades nesta terça-feira

Solenidade de abertura do programa ocorre às 10h, no Auditório da Setrabes – Fotos: Secom RR

Na manhã desta terça-feira, 14, 50 novos jovens iniciarão uma fase que, para muitos, representa uma mudança de postura e perspectiva de vida. Esses meninos e meninas de 14 a 17 anos serão os novos membros do projeto Cidadão do Futuro, de parceria entre o Detran RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) e a Setrabes (Secretaria Estadual do Trabalho e Bem-Estar Social). O início das atividades será marcado por uma solenidade no Auditório da Setrabes, às 10h.

Criado por meio da Lei nº 402 de 8 de outubro de 2003, a primeira turma do Cidadão do Futuro teve início em 2004. Até 2016, já foram formados 650 jovens no programa.

Com o início da nova turma de 2017, os 50 novos participantes selecionados para o programa recebem uma bolsa de 45% do salário mínimo vigente e vale transporte cada um, para permanência de 3 horas nos dias de segunda a sexta-feira no horário das 08 às 11h.

A titular da Setrabes, Emília Campos, disse que o projeto trabalha com valores e princípios de cidadania, tanto no trânsito como no âmbito familiar e cotidiano dos jovens. “O Cidadão do Futuro tem o poder transformador. O empenho do Governo em garantir o acesso à formação desses adolescentes, por meio de instrutores capacitados, os motiva a mudar conceitos e praticá-los no cotidiano, transformando-os em cidadãos conscientes e preparados para a vida”, disse.

De acordo com o presidente do Detran RR, Chicão da Silveira, o Cidadão do Futuro é o trabalho social mais importante que o órgão desenvolve.“Ele estimula os alunos a pensarem sobre a importância que eles exercem na sociedade e como podem ser agentes na humanização do trânsito”, frisou.

A diretora de segurança do trânsito Angelice Janesko, é responsável pela DPET (Divisão de Prevenção de Educação para o Trânsito) do Detran RR, que cuida do projeto Cidadão do Futuro. Segundo ela, a seleção dos adolescentes é realizada pela Setrabes, por solicitação do órgão, e existem alguns critérios para que o jovem seja selecionado.

“É preciso ter idade mínima de 14 anos e máxima de 17 anos, ser aluno da rede pública estadual de ensino e estar cursando o último ano do ensino fundamental ou do ensino médio. O interessado também precisa ser membro de família com renda mensal per capita não superior a um salário mínimo”, disse.

Ainda de acordo com a diretora, o objetivo do programa é o de proporcionar qualificação na área de educação para o trânsito, por meio de aulas de Teatro, Coral, Libras, Vídeo, Artes Plásticas e Legislação de Trânsito, tornando os participantes multiplicadores de educação para o trânsito e sensibilizando a população em prol de uma maior humanização no trânsito.

Além das oficinas, os jovens são atendidos com palestras e atendimentos psicológicos que proporcionam orientação para a formação deles enquanto cidadãos.

 

Deixe uma resposta