Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Calçada Limpa: campanha garante mobilidade e acessibilidade a pedestres de Boa Vista

Calçada Limpa: campanha garante mobilidade e acessibilidade a pedestres de Boa Vista

Programa vai melhorar acessibilidade dos pedestres – Fotos: Jackson Souza

A Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Emhur) promoveu nesta terça-feira, 21, a campanha Calçada Limpa, que faz parte da operação Calçada Livre, na rua Sólon Rodrigues Pessoa, bairro Pintolândia. A campanha foi em parceria com a Superintendência Municipal de Trânsito (Smtran) e teve o objetivo de aumentar a mobilidade e a acessibilidade, principalmente dos pedestres, garantindo a circulação de forma segura.

A campanha Calçada Livre teve início em janeiro de 2016 e já passou por diversos pontos da capital. De acordo com a agente Ednalva Freitas, coordenadora da operação, a missão é desobstruir as vias e calçadas que contenham objetos pequenos e que estejam a exposição para venda como manequins, por exemplo. Cones de sinalização e objetos colocados para delimitar áreas e estacionamentos também podem ser removidos.

O próximo local a receber a ação ainda será definido pela equipe da Emhur em parceria com a Smtran. “As equipes unidas garantem um melhor resultado. Cada uma faz as notificações dentro de sua competência. A Emhur notifica os estabelecimentos comerciais e a Smtran notifica os automóveis que estejam nas calçadas de forma irregular”, relatou Freitas.

Em Boa Vista, o hábito de ocupar as calçadas e vias públicas é algo comum, mas que precisa ser adequado, seguindo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). De acordo com o Artigo 84, qualquer órgão ou entidade de trânsito com circunscrição sobre a via poderá retirar ou determinar a imediata retirada de qualquer elemento que prejudique a visibilidade da sinalização viária e a segurança do trânsito, com ônus para quem o tenha colocado. “Todo elemento que seja encontrado de forma arbitrária cabe a imediata remoção para melhorar a fluidez”, destacou a agente.

O autônomo Celso Pereira, 52 anos, transita diariamente pela Rua Sólon Rodrigues Pessoa a pé e destacou a importância da ação. “Sou a favor da limpeza das calçadas pois não há nada mais importante do que o cuidado e o respeito com a vida do pedestre”, ressaltou.

De acordo com Nuno Carneiro, fiscal da Secretaria Municipal de Economia, Planejamento e Finanças (SEPF), somente durante o período da manhã foram feitas três notificações em estabelecimentos comerciais na Sólon Rodrigues. A notificação pode valer até dois dias para adequação.

 

Deixe uma resposta