Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Variedades | Boa Vista Junina: seis quadrilhas se apresentam na primeira noite do concurso

Boa Vista Junina: seis quadrilhas se apresentam na primeira noite do concurso

Quadrilha Tradição Macuxi – Foto: Jackson Souza

O concurso de quadrilhas que vai eleger a melhor de 2017 começou acirrado. Neste domingo, 18, primeira noite de disputa, seis grupos se apresentaram na Arena Junina. Abrindo as apresentações do grupo de acesso, a Quadrilha Tradição Macuxi transformou o tablado numa verdadeira festa de Halloween no São João. Os fantasmas, as bruxas e zumbis fizeram o público se arrepiar.

Em seguida foi a vez da quadrilha Estrela Junina se apresentar, trazendo a “Lenda do Sol e da Lua” para o Maior Arraial da Amazônia. O amor dos astros trouxe cores e muita alegria e encantou o público presente.

A Quadrilha Paixão do Sertão encerrou as apresentações do grupo de acesso da primeira noite. Cantando e dançando “Maria Minha Paixão”, o grupo mostrou a devoção, a coragem e a beleza da mulher, retratando Nossa Senhora, a mãe de Jesus e Maria Bonita, consideradas mulheres fortes no seu tempo.

Abrindo a disputa do grupo especial a Quadrilha Filhos de Macunaima trouxe para Arena Junina o tema “Uma história de amor em uma noite de São João” e contou a história de um amor impossível de um príncipe matuto e uma camponesa.

A Quadrilha Garranxê relembrou no tablado do Boa Vista Junina a história de amor envolvendo Lampião e Maria Bonita e trouxe toda magia da saga nordestina para a festa de São João.

Quadrilha Gonzagão Caipira – Foto: Eduardo Andrade

Vencendo os medos. Essa foi a proposta da quadrilha Gonzagão Caipira para o concurso deste ano. O grupo que foi o campeão do Boa Vista Junina 2016, mandou o medo embora através da fé, com muita dança e alegria, contagiou o público presente e promete repetir o feito do ano anterior.

O público que lotou a Arena Junina vibrou com as apresentações da primeira noite. “Não perco o concurso de quadrilhas. Prestigio todas as noites porque elas é que fazem o espetáculo do arraial. Fica difícil dizer quem vai ganhar, embora tenho a minha quadrilha preferida, mas mesmo assim estão todas muito bonitas”, disse o estudante Raimundo Araújo.

“A cada ano as quadrilhas se superam, elas cresceram e tornaram a disputa ainda mais acirrada. Os grupos estão de parabéns, sempre inovando e tornando o Boa Vista Junina ainda mais bonito”, frisou o superintendente de cultura da Fetec, Enos Almeida.

Tem mais quadrilha

Nesta segunda-feira, 19, tem mais disputa. Pelo grupo de acesso se apresentam as quadrilhas Namoro Caipira, Coração de Estudante e São Vicente. Em seguida sobem ao tablado pelo grupo especial as quadrilhas Escola Forrozão, Eita Junino e Amor Caipira.

Shirléia Rios

 

 

 

Deixe uma resposta