Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Geral | Aleitamento materno: Semana mundial vai reforçar ações de incentivo

Aleitamento materno: Semana mundial vai reforçar ações de incentivo

Objetivo é dar visibilidade quanto a importância da amamentação exclusiva até seis meses de vida e complementar a partir dos seis meses até dois anos ou mais - Foto: Ascom/SesauCom o objetivo de contribuir para o fortalecimento das ações de promoção, proteção, incentivo e apoio ao aleitamento materno em Roraima, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) preparou uma programação que terá início no dia primeiro e seguirá até o dia 7 de agosto. As ações programadas acontecerão em vários lugares e em alguns momentos, de forma simultânea.

A abertura da Semana Mundial de Aleitamento Materno será realizada no auditório do Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth (HMINSN), dia 01 de agosto, a partir das 9h, com o slogan “Amamentação: um ganho para a vida toda”. O secretário de Estado da Saúde em Exercício, Alysson Lins, participará da solenidade. Outras autoridades também foram convidadas para o evento, entre elas o Secretário Municipal de Saúde de Boa Vista.

Para marcar o início das ações de incentivo ao aleitamento materno, o evento contará com o depoimento da jornalista Karen Telles. Ela abordará a importância do aleitamento materno, bem como fará relato sobre o apoio recebido pelo Banco de Leite Humano da Maternidade, quando teve dificuldade em amamentar seu bebê.

A gerente do Núcleo de Ações Programáticas da Saúde da Criança (NAPSC), Valentina Vieira, enfatiza que a Secretaria vem buscando a implantação de um serviço de linha telefônica gratuita, o “Disk Aleitamento Materno”, sem custos para quem contactar. “Através do telefone, as mães, profissionais de saúde, familiares e sociedade em geral contarão com mais um recurso no qual poderão esclarecer as dúvidas sobre a maneira correta de amamentar”, informa a gerente.

Valentina esclarece que encerrando a solenidade de abertura, por volta das 10h, está prevista uma reunião de articulação para a implantação do Comitê Estadual de Aleitamento Materno. O encontro está agendado no auditório da Maternidade.

Durante a Semana Mundial, de 01 a 07 de agosto, as mães que receberem alta médica da Maternidade, vão passar por uma palestra que abordará o assunto: “Manejo Clínico de Aleitamento Materno”. As oficinas ocorrerão no Banco de Leite Humano da maternidade e em dois turnos. Pela manhã, às 10h e na parte da tarde, às 15h. As mulheres serão orientadas e esclarecidas sobre a importância do aleitamento materno exclusivo para bebês até o sexto mês de vida, e após este período ofertar outros alimentos saudáveis, como: frutas, verduras e legumes, mantendo o aleitamento materno por dois anos ou mais de vida da criança. Valentina enfatiza sobre os benefícios gerados a mãe e ao bebê com a amamentação, pois esse alimento contém todos os nutrientes (vitaminas, minerais, proteínas, açúcar e gordura na quantidade certa, conforme orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS)).

De acordo com a gerente, são inúmeras as vantagens comprovadas cientificamente: para a criança, evita mortes infantis, diarreia e infecção respiratória; reduz risco de alergias; diminui riscos de hipertensão, colesterol alto e diabetes; reduz a chance de obesidade; melhora a nutrição e inteligência; para a mãe, protege contra o câncer de mama; menores custos financeiros; promove o vínculo afetivo entre mãe e filho; e proporciona melhor qualidade de vida a toda a família.

Segundo o Ministério da Saúde, as mães e os bebês ficam mais saudáveis com o aleitamento materno e consequentemente os gastos com consultas médicas, medicamentos, exames laboratoriais e hospitalização são reduzidos.

 

 

 

Deixe uma resposta