Templates by BIGtheme NET
PÁGINA PRINCIPAL | Interior | Agricultura Familiar: Femarh realiza ação itinerante nos municípios do Sul do Estado

Agricultura Familiar: Femarh realiza ação itinerante nos municípios do Sul do Estado

A ação se estende até o dia 6 de março, com atendimento na Vila do Equador - Fotos: Ascom/Femarh

A ação se estende até o dia 6 de março, com atendimento na Vila do Equador – Fotos: Ascom/Femarh

Mais de 50 produtores da agricultura familiar da comunidade de Entre Rios, Caroebe, região Sul do Estado, receberam atendimento dos técnicos da Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) nesta semana. Para diminuir o tempo de espera e evitar que os agricultores continuem trabalhando de forma ilegal, a Fundação está modernizando o processo de emissão das licenças.

Os atendimentos contemplaram também a sede do município de Caroebe. A ação está sendo realizada em parceria com a Aferr (Agência de Fomento do Estado) e segue até o dia 6, onde as atividades serão finalizadas na Vila Equador.

De acordo com o diretor de Recursos Hídricos da Femarh, Rogério Martins, a intenção do Governo do Estado é dar apoio às atividades para implantação, ampliação ou modernização da estrutura de produção, beneficiamento, industrialização e de serviços, no estabelecimento rural ou em áreas comunitárias rurais próximas, trabalho que vem sendo desenvolvido por meio de uma Força Tarefa entre a parte técnica e jurídica da Fundação, para normatizar e estabelecer diretrizes atendendo a Agricultura Familiar de Roraima”, destacou.

“Estamos trabalhando em conjunto para promover o aumento da produção, além da redução dos custos. Nosso maior objetivo é aumentar a renda da família produtora rural”, disse Martins.

Agricultura Familiar

femarh23É considerado agricultor familiar, aquele empreendedor rural, que juntamente com familiares, obtém renda bruta anual da atividade de no máximo R$ 110.00,00, sendo que, 80% desta renda tem que necessariamente, ser oriunda da exploração rural. Outro item de enquadramento é que a exploração rural seja em imóvel próprio ou sob arrendamento ou parceria, e que a exploração não ultrapasse 96 hectares.

Fique atento ao calendário itinerante

Data | Localidade

03/03 | São João do Baliza / São Luiz do Anauá

04/03 | São Luiz do Anauá / Rorainópolis

05/03 | Rorainópolis / Equador

06/03 | Vila do Equador

Cíntia Schulze

 

Deixe uma resposta